Paulo Roberto!

Não sei se inverno ou verão,
se primavera
ou qualquer que seja a estação...
Mas tem flores no meu coração.

Sobre o perfume eu não sei,
se amadeirado ou adocicado,
se é Dior ou Paco Rabanne,
mas quando o sinto fico extasiado.

E se o toque é ríspido, ardo.
Se me afaga baixo a guarda
e se é suave eu aquieto.
Seus toques me desconcertam.

E a voz? Tão mansa,
se ordena eu obedeço,
se silencia, padeço.
Ao som do sorriso eu danço.

Admito que amo,
admiro de perto,
és pra mim tão única
quanto um oásis no deserto.
Marcadores: | edit post
9 Responses
  1. ai que lindo...me delicio com seus textos! maravilhosos.


  2. Sol Brito Says:

    Que amor, é esse,hein???
    Maravilhosas palavras, Paulo!!! Vir aqui é sempre um presente pra alma...rs

    Um beijo e ótima semana!!!!


  3. Paulo, seu amor é um dos mais doces que já li.
    Suas palavras cativam...
    Beijo


  4. Poly Says:

    UAU...adociquei minha alma...amei seu cantinho, maravilhoso!!quero q saibas: stou te seguindo rrsrsrs.
    sucesso!


  5. vixi! poesia em você parou...

    muito bonito! lembra os poetas populares...

    beijos,
    e tudo de bom!

    do homem e menino!


  6. Juliana Lira Says:

    Paulo

    "Admito que amo,admiro de perto,és pra mim tão única quanto um oásis no deserto."

    A cada dia seu amor parece mais cristalino e vc parece mais feliz, sua felicidade me deixa feliz também.

    Milhões de beijos


  7. Bya Says:

    Quanto sentimento estava com saudades deste espaço cheio De poesia...canta e encanta!
    Um abraço forte


  8. Paulo Roberto,
    Vim apreciar seu oásis e achei vários. Bom respirar a paisagem daqui. Virei mais...

    Abraço mineiro,
    Pedro Ramúcio.


  9. Teu oásis, simples(mente), corpo e alma. Um espaço deslumbrante! Baci in cuore, poeta!


Postar um comentário

Espero que tenham gostado...

Related Posts with Thumbnails
BlogBlogs.Com.Br